Enantato de testosterona

» » Enantato de testosterona
  

Enantato de testosterona é um dos anabolizantes mais usados atualmente por atletas profissionais e por amadores também, devido ao seu poder alto no corpo e resultados aparentes em pouco tempo ele se tornou um pros anabols preferidos no mercado negro.Tem uma forma de ação prolongada do progenitor hormônio testosterona. Neste caso específico, o hormônio principal foi anexado ao éster enantato para atrasar a sua liberação para a corrente sanguínea ao longo de vários dias.

Pode ser encontrado no mercado em concentrações de 200-500mg/ml. Vamos entender como essa droga faz o nosso corpo se transformar tão rapidamente, os hormônios são substâncias produzidas nos testículos, e é através desse hormônio que ocorre o crescimento muscular, se você injeta mais quantidade que o normal conseqüentemente o crescimento muscular será muito maior.

Muitos marombeiros costumam utilizar o enantato em ciclos com outras substâncias como uma oxandrolona por exemplo. A retenção de água com enantato de testosterona às vezes exige algum tipo de anti-estrogênio, embora eu seja capaz de lidar com doses altas sem quaisquer outros problemas relacionados com problemas de pressão ou ginecomastia.

dieta

Informações importantes para o pessoal:

Enantato de testosterona – C26-H40-O3

Peso molecular – 400,599 g / mol

Biodisponibilidade – 99%.

Metabolismo – Fígado, testículo e próstata

Meia-vida -10 a 12 dias

Excreção – Urina

Administração – Intramuscular

 

Um problema que certos usuários da droga sofrem é um pouco de retenção líquida e aumento da pressão, isso pode ser controlado é só fazer ciclos com um pouco menos de concentração, por exemplo usar durante a semana no máximo 750mg, devagar você vai conseguir o que realmente almeja na musculação, nada de exceder doses de anabolizantes achando que isso vai te proporcionar grandes músculos.

Assim como qualquer outra droga anabólica os efeitos colaterais são parecidos como acnes, alargamento da próstata, inibição do eixo hormonal natural, queda de cabelo, pressão alta, lesões no fígado, entre outros.

dieta