GH Hormônio do Crescimento Anabolizante


O hormônio GH sintético é utilizado como esteroide anabolizante por muitos porque estimula em até 15% o ganho de massa muscular. O hormônio do crescimento também queima gordura, efeito que justifica o seu uso para emagrecer. Além disso, o seu uso diminui o tempo que o músculo leva para se recuperar entre os treinos, aumenta a produção de colágeno e fortalece ligamentos e tendões.

Há também o suplemento de GH, que na verdade não é composto pelo hormônio do crescimento em si, e sim por substâncias que promovem a liberação do hormônio GH natural do organismo pela glândula hipófise.

GH Hormônio do Crescimento

O GH, hormônio do crescimento, também é conhecido por somatotrofina ou somatotropina (ST). Trata-se de um hormônio proteico natural com alto efeito anabólico produzido pelo nosso organismo cuja função é promover o crescimento dos tecidos, como o tecido ósseo e cartilaginoso.

Anabolizante GH



O hormônio GH foi sintetizado com o objetivo de tratar problemas de crescimento em crianças, mas acabou sendo descoberto pelos fisiculturistas e praticantes de musculação pelos efeitos que o hormônio pode produzir no corpo:

  • Aumenta o metabolismo;
  • Dá mais força e energia e estimula o emagrecimento, já que estimula a quebra das células de gordura;
  • Estimula a liberação de IGF-1 (Insulin-like Growth Factor-1), um fator de crescimento que também é direcionado para outros tecidos e estimula a síntese de proteínas nos músculos;
  • Diminui o tempo que o músculo leva para se recuperar entre os treinos;
  • Aumenta a produção de colágeno;
  • Fortalece ligamentos e tendões.

O GH também estimula as funções dos rins, fortalece o sistema imune, diminui a síntese de glicogênio e aumenta a absorção de nutrientes essenciais para o organismo, como o nitrogênio, potássio, fósforo e sódio.

Acredita-se, ainda, que as aplicações do hormônio podem reduzir o processo de envelhecimento corporal, combatendo rugas, flacidez e a indisposição.

Apesar disso, a aplicação do GH em quem não precisa de correções clinicamente constatadas do hormônio no organismo pode não ser tão eficaz assim, a não ser que as aplicações sejam feitas em altas doses, o que pode causar uma série de efeitos colaterais no organismo.

Apesar de ser utilizado em sua forma sintética através de injeções como anabolizante para ganhar massa muscular, o uso do GH sintético é proibido para esse fim. O GH sintético pode ser detectado rapidamente em exames antidoping.

Hormônio GH para Emagrecer

Apesar de estimular a quebra das células de gordura que, consequentemente, resulta na perda de peso, o uso do hormônio GH sintético por pessoas saudáveis com níveis do hormônio equilibrado no organismo pode não ser tão eficaz assim para emagrecer.

Isso porque um estudo publicado em 1990 no New England Journal of Medicine que confirmava o efeito emagrecedor do hormônio GH foi denunciado pelo próprio jornal, que afirmou que outros estudos feitos após isso indicaram que a perda de peso é insignificante em quem já possui níveis adequados do hormônio natural no corpo.

Preço de Farmácia do GH Hormônio do Crescimento

No Brasil, o GH só é utilizado em sua forma sintética sob prescrição médica, com retenção da receita pela farmácia. Algumas marcas que oferecem o hormônio do crescimento GH injetável são:

  • Hormotrop – R$ 63 a R$ 190;.
  • Genotropin: R$ 679 a R$ 1.000;
  • Saizen: R$ 992 a R$ 1.481;
  • Humatrope;
  • Norditropin;
  • Tev-Tropin;
  • Nutropin;
  • Omnitrope.

Quando o hormônio do crescimento GH é vendido ilegalmente as chances do produto não ser de qualidade e provocar efeitos colaterais graves é ainda maior.

Para a sua segurança quanto à qualidade e à legalidade do uso do GH injetável é imprescindível que ele seja comprado apenas em uma farmácia licenciada quando devidamente orientado pelo médico.

Hormônio GH Efeitos Colaterais



Quando o hormônio GH injetável é utilizado indevidamente e em doses altas ele pode provocar os seguintes efeitos colaterais:

  • Dores frequentes nos músculos, nos nervos e nas articulações;
  • Inchaço devido à retenção de líquidos que pode resultar em edemas graves;
  • Dores de cabeça;
  • Hipertensão;
  • Danos no sistema nervoso que causam formigamento e perda de sensibilidade na pele;
  • Altos níveis de colesterol;
  • Ginecomastia, o crescimento da mama nos homens;
  • Vários tipos de cânceres;
  • Diabetes devido à intolerância à glicose que o hormônio injetável causa;
  • Atrofia da hipófise, a glândula endócrina responsável por secretar o GH natural e necessário ao organismo. Como consequência disso, o indivíduo que faz uso do hormônio do crescimento injetável indevidamente pode ficar dependente das aplicações pelo resto da vida, sujeito a todos os efeitos colaterais nocivos e pagando um preço alto pela substância.